Olá!

Sou Sandra Martins, josefense, casada, mãe de 3 filhos. Associo as funções de esposa, mãe, dona de casa, empresária e política com muito orgulho e dedicação. Entrei na política em 2004, quando fui eleita para o meu primeiro mandato como Vereadora pra melhorar, dentro das minhas possibilidades, a qualidade de vida de cada josefense.

Durante todo meu mandato (2013-2016) fiz a prestação de contas diariamente pelas redes sociais, mostrando cada projeto, indicação e requerimento apresentado. Foram 23 projetos de lei aprovados, 15 ainda em andamento, 16 arquivados pelas comissões e 1 vetado pelo Executivo.

Protocolei 1841 indicações atendendo demandas de todas as regiões do município, para levar ao Poder Executivo as necessidades da comunidade josefense.

E para dar continuidade a este trabalho conto com seu voto e o seu apoio à minha candidatura.

Eleita Vereadora com 2419 votos

3 de outubro de 2004


2004

Exerceu o mandato de Vereadora e Secretária de Saúde

31 de outubro de 2006


2005-2008

Concorreu na eleição municipal como candidata a Vice Prefeita

5 de outubro de 2008


2008

Eleita Vereadora com 2499 votos

7 de outubro de 2012


2013-2016

  • Líder da Bancada do PSDB na Câmara Municipal
  • Presidente da Comissão Provisória do PSDB de São José
  • Presidente da Comissão de Enfrentamento da Violência contra a Mulher
  • Membro da Comissão de Bem-Estar Animal
  • Membro da Comissão de Segurança
  • Membro da Comissão de Constituição, Justiça e Redação
  • Membro da Comissão de Finanças e Orçamento

Projetos de lei de minha autoria

Uma das atribuições do Vereador é elaborar Projetos de Lei, que podem ser de iniciativa própria, a pedido da população ou de instituições. O vereador elabora o projeto de Lei e protocola na Câmara. O Projeto é inicialmente analisado por um grupo de vereadores que compõe as comissões parlamentares. De acordo com a análise das comissões o projeto pode ser arquivado ou levado a votação no plenário pelos demais vereadores. Quando votado e aprovado o Projeto de Lei é encaminhado ao Prefeito para sanção.

Neste mandato apresentei 55 Projetos de Lei

23 Aprovados

Clique para ver os projetos

l

15 Andamento

m

16 Arquivados

M

1 Vetado

O que são as Indicações?

As indicações são documentos oficiais, emitidos por cada Vereador ao Poder Executivo (Prefeitura e Secretários) sugerindo a adoção e a execução de medidas, a realização de ações concretas e obras a partir de demandas apresentadas pela população. Assim, as Secretarias Municipais passam a ter condições de perceber a realidade e as necessidades que a população traz ao Vereador.

Indicações por ano

2013

2014

2015

2016 até agosto

Indicações Protocoladas por Região em 2016

Clique nos ícones para ver o total por região

Alto Forquilhas

01

Sertão do Maruim / Distrito Industrial / SC-281

26

Colônia Santana

07

Kobrasol / Campinas

29

Flor de Nápolis / Picadas do Sul / Forquilhinha / Potecas / São Luiz

70

Barreiros / Nossa Senhora do Rosário

22

Serraria

120

Areias / Real Parque / Bairro Ipiranga / Pedregal / Jardim Santiago

50

Forquilhas

19

Jardim Cidade Florianópolis / Bela Vista / Real Parque / Bosque das Mansões / Roçado

70

Ponta de Baixo / Centro Histórico / Praia Comprida / Fazenda

68

Indicações Protocoladas por Secretaria em 2016

Você sabe qual é o papel do Vereador?

Percebemos constantemente uma confusão, por parte da população, em relação ao papel do Vereador. É muito comum confundirem nossas atribuições de fiscalizadores e de legisladores com a função de executor.

R

É responsabilidade do Vereador

R

Ouvir os anseios da população

R

Elaborar Projetos de Lei

R

Fiscalizar as ações da Prefeitura

R

Indicar medidas ao Poder Executivo

R

Propor emendas ao orçamento

Q

O Vereador não pode

Q

Fazer obras

Q

Conseguir vagas em creches e hospitais

Q

Distribuir cestas-básicas ou pagar churrascos

Q

Prometer emprego ou cargo

Q

Prometer obras

Vamos Conversar ?

Envie uma Mensagem

12 + 1 =

autorbioSou Sandra Martins, josefense, casada, mãe de 3 filhos. Associo as funções de esposa, mãe, dona de casa, empresária e política com muito orgulho e dedicação. Entrei na política em 2004, quando fui eleita para o meu primeiro mandato como Vereadora pra melhorar, dentro das minhas possibilidades, a qualidade de vida de cada josefense.